quinta-feira, 9 de julho de 2009

Quintana na quinta

VIVER

"Vovô ganhou mais um dia. Sentado na copa, de pijama e chinelas, enrola o primeiro cigarro e espera o gostoso café com leite.
Lili, matinal como um passarinho, também espera o café com leite.
Tal e qual vovô.
Pois só as crianças e os velhos conhecem a volúpia de viver dia a dia, hora a hora, e suas esperas e desejos nunca se estendem além de cinco minutos..."

Mario Quintana in Sapato Florido.
Poesia Completa, p.180

6 comentários:

Custódia C.C. disse...

Sábias, estas quintas de Quintana!

Luís F. disse...

Estou com a CCC!

Palavras sábias...

:)

JEANSECAMISETA disse...

Oi Suzi! Só passei aqui rapidinho pra matar a saudade. Não vou entrar na net nos próximos dias mas prometo ler tudinho que vc escrever assim que voltar das férias. Bjim

Camila disse...

Estou entre a infância e velhice. Talvez por isso entendo, entendo bem o que disse Mário, mas, apesar de entender, não sei por em prática. Infelizmente. Às vezes acho que minhas esperas e meus desejos poderiam se estender pela minha vida toda, se eu não fosse chegar a ser velha e, aí, sábia. Só me resta esperar. Não 5 minutos, mas talvez 5 décadas.

Adorei a reflexão que fiz, Suzi! Obrigada pelas sábias palavras de Mário!

Beijos!

Su disse...

É tão simples ser feliz!!^^
Beijos, Suuzi

Éverton Vidal disse...

Sim, eu queria ser bem simples assim, quem sabe se voltar a ser criança, ou quando ficar velho né?

Bj Suzi!