segunda-feira, 27 de agosto de 2007

O mar

Diego não conhecia o mar. O Pai, Santiago Kovadiloff, levou-o para que descobrisse o mar. Viajaram para o Sul.
Ele, o mar, estava do outro lado das dunas altas, esperando.
Quando o menino e o pai enfim alcançaram aquelas alturas de areia, depois de muito caminhar, o mar estava na frente de seus olhos. E foi tanta a imensidão do mar, e tanto o seu fulgor, que o menino ficou mudo de beleza. E quando finalmente conseguiu falar, tremendo, gaguejando, pediu ao pai:
- Me ajuda a olhar!

Eduardo Galeano
O Livro dos Abraços
Texto: A Função da Arte/I


12 comentários:

Taia disse...

Quero o mar...urgente!

Suzi disse...

menina, vim de lá agora. que coincidência é essa, de tema???
uia!
isso é saudade do mar ou de você e você d'eu?

;o)

Sam disse...

Super sensível....lindo.

Mônica disse...

uau total isso!!!!!!

* pois é...não há novidades mesmo naquele post...a pessoa nem se toca q já fiz listinha de 202 coisas a meu respeito e ainda me pede mais sete....kkkkkkkkkkkkkk

* vamos marcar alguma coisa, sim....um bate bapo via oi telemar, um almocinho básico ou um fabio junior no citibank hall? o q preferes, boneca?

Márcia(clarinha) disse...

GLUB!
beijos

Nena disse...

coisa linda isso!

linda mesmo!

Suzi disse...

Oi, Sam! Seja bem-vinda por aqui!
O texto é de uma delicadeza e doçura especiais, não?
;o)

Suzi disse...

também achei bem uau!
;o)

___________
pô, mumumu,
eu tava crente que era privilégio meu te conhecer tanto! hehehehehe!!

fabinho júnior vai estar no atl-claro-citibank-hall??
huuuummmmmm...

Suzi disse...

Glub glub,
marcita!

Suzi disse...

É, Nena. Doce, linda, né?

;o)

Marcelo da Taia ou Taio disse...

Oi, passei para dizer que terei que ir a praia quarta, quinta e sexta.Pode deixar que darei alguns mergulhos por vc. Rsrsrsrsrs.

Suzi disse...

lamento informar, mas vai chover.