segunda-feira, 9 de agosto de 2010

É a dúvida, mesmo, que mata

A dúvida é que mata. A ignorância, a certeza, ainda que equivocada, a segurança, ainda que enganosa ou ilusória, nos dão vida, ou sobrevida. A dúvida é que mata!

2 comentários:

Suzana Martins disse...

É, a dúvida é que mata!!! :S

Beijooos...

Linda semana pra vc!!^^

Custódia C.C. disse...

Sim, a dúvida pode ser extremamente angustiante :)