quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Pensando bem...

Hoje, ouvindo o Cony, na CBN, tomei uma decisão. Nunca mais eu mato dois coelhos com uma cajadada só. A partir de hoje, resolvo uma coisa de cada vez. Faço uma coisa, depois faço outra, mesmo que "com uma cajadada só" eu pudesse "matar dois coelhos" de uma só vez. Pronto. Tá decidido. Mesmo que isso me faça gastar mais tempo, mais energia. Dois atos para resolver duas coisas, quando poderia resolver as duas, com uma única ação. Mas "matar dois coelhos com uma cajadada só", nunca mais. Ou, simplesmente, eu posso continuar agindo assim e nunca mais é me valer dessa expressão infame. Na boa. Eu nunca tinha parado pra pensar na besteira que é essa frase! Caraca! Matar coelho. Matar coelho com cajado! Você se deu conta??

19 comentários:

Taia disse...

Dar paulada no coelhinho Tri, nunca se deu conta?
aff...
Ontem eu te liguei muitissimo.
Beijo

Suzi disse...

Pois é, Taia! Que coisa horrível!

(eu tb te liguei, mas depois dormi. hihihihi!!!)

Luís F. disse...

A expressão é péssima, mas o seu significado até dá bastante jeito…
Se os assuntos ficam (bem) resolvidos, nada melhor que acabar com eles de uma só vez, não? Agora, matar coelhos à cajadada é muito, muito mau mesmo…

Por terras Lusas, amanhã é feriado, portanto Bom Fim-de-Semana Suzi!!!!!!!!!!!!

LAD disse...

Crueldade para com os animais... NUNCA!!! Nem mesmo nos provérbios.
Subscrevo na integra.
Beijos e bom-fim-de-se-ma-na... este de três dias. (nota-se a minha felicidade???)

Amigao disse...

Mas porque uma pessoa iria matar um coelho hein? Voce fazia isso antes de ouvir o Cony? E matava dois ainda? E o cajado, onde você arrumou?
meu pai!

Janaina Staciarini disse...

Dois atos para resolver duas coisas. Interessante. Vou passar a pensar nisso também...

Márcia(clarinha) disse...

Putzzz, ando correndo dos cajados, não os quero nem para me segurar.
Noite linda bunita
beijos

Helena SP disse...

Bom dia, Amiga!
Saudades! Se lembra de mim? Helena de SP, fã CBN! Quando vem visitar Sampa? Assim, você "mata dois coelhos com uma cajada só", vem nos visitar e gasta um pouquinho no Bom Retiro! rs
Espero q esteja bem! Saiba que você está na meu coração!
Tenha um ótimo fim de semana! Carpe Diem
bjs

Beto disse...

Caramba, que resolução dura!
bjs

Suzi disse...

Luís, é claro que resolver duas coisas com um único ato de esforço, é sempre muito bom. E disso eu não abro mão. A lei do menor esforço, quando bem utilizada é extremamente útil e de grande valor.

Mas se eu fizesse um post dizendo apenas que a frase é infame, sem aquele drama todo, inicial, ficaria tão simplista... hehehehehe!!!

Suzi disse...

Ah, Luís, e aproveite por nós, brasileirinhos, o feriadão!! Nada como um feriadão!!!
;o)

Suzi disse...

Pois é, Lad. Estás na vida mansa, hoje, hein?? Ah... os feriados... como amamos!! rs*

Suzi disse...

Pois é, amigão. Já se tocou que a gente fala isso na maior tranqüilidade, como se fosse praticamente um hábito??? Uia!

Suzi disse...

Jana,
na verdade, sou adepta total (quase total) da lei do menor esforço. Repito: usada com a devida parcimônia. rs*

Mas precisei começar com aquele drama todo pra poder chamar a atenção das gentes pra essa frase torpe, vil, repugnante, que a gente usa sem pensar no que está falando.

Suzi disse...

É, Marcinha. Bandeiras de paz e de amor são bem amis interessantes, né?
;o)

Suzi disse...

Ô, Helena-Chan! Como é que eu me esqueceria de você, moça??
Saudades.
Mande-me um e-mail.
Troquei de computador e aqui não tenho mais seu endereço...
Quase fui a Sampa, outro dia. mas, de última hora, o trabalho me prendeu e pow!!! Como um cajado, matou meus dois planos: de passear e de (re)ver os amigos.

:o(

Beijos. Bom te ter por aqui!

Suzi disse...

Pô, Beto,
a parte inicial é só pra chamar a atenção. A resolução, mesmo, é de nunca mais falar esse negócio de matar coelho na base de cajadada. Conhece outra frase, pra mesma situação? Tô precisando.
;o)

J@de disse...

Tem certas expressões que eu me recuso a usar, uma delas é essa!!

Suzi disse...

pois dessa, jade, só me toquei agora, acredita?